Documento sem título
 


País: Brasil.
Estado:
Minas Gerais.
Origem:
Cerrado Mineiro.
Municípios:
Patrocínio e Coromandel.
Produtor:
José Carlos Grossi.
 



Fazendas:
Capão da Mata, União, Posse, São Matheus, Conceição, São Francisco, Garça Branca, Ouro Verde, Bela Vista, Chácara Modelo, Luciana, Boa Vista I, Boa Vista II, Poço Azul, Bom Jardim, Paineiras, São José e Aroeira.
Altitude:
de 900 a 1.140 metros.
Certificações:
percentual de produção de 45% Rainforest Alliance, 25% UTZ Certified, 100% Origem Cerrado Mineiro e 8% Brazilian Specialty Coffee Association.
Área Plantada de Café:
3.025 hectares.
Área Total:
6.400 hectares.
Número de Funcionários:
350/900.




Solos: latossolo vermelho a amarelo.
Vegetação:
vegetação típica do Cerrado Brasileiro.
Declividade:
plano a levemente ondulado.
Áreas de Preservação (APP e ARL):
1.450 hectares.
Fauna:
Teiú, Quati, Tamanduá-Bandeira, Lobo-Guará, Onça-Pintada, etc.
Flora:
Angico, Pororoca, Araticum, Pau-Ferro, Pequi, etc.
Preservação Ambiental:
preservação da vegetação nativa e da fauna em áreas de reserva legal e reflorestamento com espécies locais.




Temperatura Média: 21 °C.
Temperatura Média Máxima:
27,4 °C.
Temperatura Média Mínima:
16,4 °C.
Precipitação Anual:
1.620 milímetros.
Regime Pluviométrico:
86,5% das chuvas se concentram entre outubro emarço.



Método de plantio: mecanizado e manual.
Variedades de Café (Arábica):
Acaía, Acauã, Bourbon, Catuaí Amarelo, Catuaí Vermelho, Catucaí Amarelo, IBC-12, Icatu, Mundo Novo, Rubi, Topázio e Tupi Amarelo.
Irrigação:
70% da área plantada com café é irrigada (gotejamento, aspersão e pivô central).
Fertirrigação:
100% nas áreas irrigadas por gotejamento e pivô central.
Tecnologias Aplicadas:
Correção da acidez do solo pela aplicação de calcário e magnésio; aumento da fertilidade do solo através do uso de palha de café, matérias orgânicas e fosfato; pesquisa e desenvolvimento em próprios campos experimentais de variedades genéticas com maior produtividade, resistência e bebida de qualidade; manejo integrado de pragas e de ervas.
Produtividade Média:
43,91 sacas/hectare, quase o dobro da média nacional.



Sistemas de Colheita: 30% manual e 70% mecanizada.
Instalações de Processamento:
10 linhas de lavagem e despolpamento, 300.000 m² de terreiro, 52 secadores, silos para 30.000 sacas de pergaminho e/ou café em coco e 10 linhas de benefício seco.
Tipos de Café:
65% natural e 35% cereja descascado.
Tratamento de Águas Residuais:
tanques para sedimentação de sólidos, recirculação e utilização em irrigação e infiltração.

Documento sem título


QUEM SOMOS
HISTÓRIA
CERTIFICAÇÕES
PRESENÇA GLOBAL


PROCESSO
PERFIL


CERTIFICAÇÕES AGRÍCOLAS
PROJETOS SOCIAIS
PROJETOS AMBIENTAIS

CLIPPING
FOTOS
VÍDEOS


Todos os direitos reservados Copyrigth © 2013
Alto Cafezal Comércio Importação e Exportação Ltda.
Desenvolvido por:
Portfólio